PSPP

Importar Dados no PSPP

Escrito por Erick Faria · 3 min. >
importar dados no pspp

Importar Dados no PSPP

Bem-vindo(a) a segunda aula do curso de PSPP. Se você perdeu a primeira aula, confira aqui: Introdução ao PSPP, onde apresento como fazer o download do PSPP, o que é o PSPP e como será o funcionamento dessa série de tutoriais que compõem o curso.

Você irá aprender a fazer a importação – transformar um dado do excel, csv ou text – para o PSPP. importar dados no PSPP significa: transformar o dado em um formato (csv ou txt) para sav. Essa importação é necessária para podermos trabalhar com os dados e realizar análises.

Se você não assistiu a primeira aula, recomendo que a faça antes de prosseguir. Na aula anterior abordamos os primeiros conceitos sobre o PSPP e foi feito uma introdução do programa.

Selecionando dados

Antes de começar a importar dados no pspp é importante que você selecione um conjunto de dados. No final desse post eu deixei um vídeo que gravei, com uma sugestão de conjunto de dados. Você pode seguir a minha sugestão ou prosseguir com o conjunto de dados de sua preferência.

Como importar dados para o PSPP?

Para importar dados no PSPP você deve clicar primeiramente em Arquivo e posteriormente em Import Data. Veja na imagem abaixo uma captura de tela do procedimento que você deve seguir:

 

Gis de exemplo de como fazer a importação dos dados no PSPP

Após clicar em Import Data você deve navegar até o diretório em que o arquivo se encontra. Escolha o arquivo que você deseja trabalhar.

Configurando os dados no PSPP

Agora que você selecionou o arquivo que deseja trabalhar, você deve realizar algumas configurações para que tudo saia corretamente. Um assistente de importação irá abrir e irá te auxiliar nessa etapa. A seguir vamos passar por cada fase explicando as configurações que você deve seguir.

Select the Lines to Import

Aqui você deve selecionar quais as linhas para importar dados no PSPP. Por padrão nos selecionamos todas as linhas, pois geralmente nós desejamos trabalhar com todos os dados. Entretanto, por algum motivo você pode preferir trabalhar com uma parte dos dados. Os motivos que podem te levar a trabalhar com uma parte dos dados são: incapacidade computacional para trabalhar com todos os dados; fase de testes; interesse em apenas uma parte da amostra.

Select the First Line

Nessa etapa você deve selecionar a primeira linha de dados. Repare que não é a primeira linha do dataset, que geralmente corresponde ao nome das colunas. Aqui você deve selecionar onde os dados começam.

Posteriormente, observe que há uma caixa no canto inferior esquerdo que lhe dá a opção de selecionar: O nome das colunas (variáveis) estão na célula (linha) acima. Você deve marcar essa caixa caso seja o caso do seu dataset.

Separadores

Agora você deve selecionar os separadores do seu arquivo. Você deve abrir o arquivo previamente ou ler no dicionário do arquivo quais são os separadores. Caso não seja possível é possível ir testando no PSPP qual o separador.

Dessa forma, ao importar dados no PSPP você pode ir testando os diferentes tipos de separadores até encontrar um formato em que seus dados sejam dispostos corretamente.

Ajustar Formatos das Variáveis

Nessa etapa você deve configurar as colunas do seu dataset. O uso correto seria: abrir o dicionário de variáveis e configurar cada coluna de acordo com a descrição no dicionário. Entretanto, eu já tive muitos problemas de travamento do PSPP nessa etapa. Eu sugiro que você ignore essa parte e faça a configuração das colunas após salvar o dataset no formado do PSPP.

Não se preocupe em ignorar essa fase. Você terá a oportunidade de fazer as configurações posteriormente, conforme explicado nas aulas a seguir. Serão três aulas destinadas a configuração das colunas e das variáveis. Logo, sugiro que ignore essa etapa clicando em próximo e salve o seu arquivo PSPP.

Pular essa etapa é uma sugestão baseada nos meus usos precedentes do PSPP. Eu já fiquei alguns minutos configurando um dataset nessa etapa e após certo tempo o PSPP simplesmente travar e eu perder todo o trabalho. Atualmente eu prefiro finalizar o processo de importar dados no PSPP, salvar o arquivo PSPP e depois ir configurando as variáveis.

Salvando o arquivo PSPP

Parabéns, você finalizou o processo para importar dados no PSPP e pode salvar o arquivo em seu computador. Opte por salvar seus arquivos em locais seguros e sempre faça cópias de segurança. O Backup é importante para evitar dores de cabeça com arquivos corrompidos ou alterações indesejadas no processo de transformação dos dados.

Sempre salve cópias de segurança. Nunca confie cegamente em um software. O PSPP é excelente mas não é infalível. Tenha o hábito de salvar periodicamente o seu trabalho, na medida em que for fazendo alterações. Salve cópias do arquivo! Já presenciei casos de pessoas perderem seus trabalhos pela ausência de backup

Vídeo da Aula 2

Você pode conferir essa aula gravada no vídeo abaixo. Na aula gravada eu explico todos os passos explicados nesse post, e apresento sugestões e dicas para você fazer um melhor uso do PSPP.

Se você gostou do conteúdo, visite meu site e conheça mais o meu trabalho.

Conheça meus livros publicados e fique ligado(a) nos próximos lançamentos.

Escrito por Erick Faria
Erick é um jovem entusiasta da tecnologia, com uma paixão pela escrita e pela partilha de conhecimento. Ele cresceu fascinado pela forma como a tecnologia pode mudar o mundo e dedicou sua vida a aprender tudo o que pode sobre esse assunto. Profile
vale a pena aprender pspp

Vale a pena aprender PSPP?

Erick Faria em PSPP
  ·   4 min.
download do PSPP

Como fazer o Download do PSPP?

Erick Faria em PSPP
  ·   1 min.